No dia 10 de dezembro de 2015 o Coletivo Feminino Plural inaugurou seu espaço de estudos e pesquisas, o Acervo Enid Backes, que, em parceria com a Fundação Luterana, homenageia a socióloga cuja trajetória marcou décadas do movimento feminista no Estado. O projeto do acervo envolve oficinas e a entrega de caixas de livros às comunidades sobre temas de gênero e feminismo, além de articular-se com o Grupo de Estudos Feministas e o Ponto de Cultura Feminista Corpo Arte e Expressão, em curso na entidade.

logomarca-do-grupo-de-estudos-feministasGRUPO DE ESTUDOS FEMINISTAS FEMININO PLURAL 

Na perspectiva de introduzir e aprofundar questionamentos sobre os diversos temas que envolvem as teses feministas, a ONG Coletivo Feminino Plural, que completa 20 anos de existência em 2016, propõe a constituição de um Grupo de Estudos Feministas e de Gênero de caráter permanente.

Planejado para acontecer mensalmente, deve reunir, além de suas filiadas, pessoas motivadas a discutir e ampliar a compreensão sobre as diversas abordagens teóricas de temas que compõem o ideário feminista, tais como: Feminismos, Gênero, Patriarcado, Sexualidade, Aborto, Autonomia, Racismo, Corpo, Ciência, Poder, Diversidade, Política, Trabalho, Cultura, Arte, Religião, Comunicação, entre outros.

Quanto à Metodologia, à priori, devem constituir-se dois grupos de estudo – Estudos de Gênero – fundamentos e perspectivas teóricas; e Feminismos – trajetória histórica e ação político -social [proposta]– com temas e autoras selecionadas, leituras de textos, sessões de filmes e outras estratégias que provoquem processos dialógicos. A ideia é ofertar para pessoas que desejam aprofundar e debater perspectivas teóricas sobre estudos de gênero um ambiente propício para trocas de saberes; e para aquelas que desejam introduzir-se aos fundamentos e trajetórias dos feminismos a oportunidade de aceder aos seus fundamentos e implicações no ativismo político e mudança social.

As inscrições são de fluxo contínuo, no entanto para constituição da(s) turma(s) seguem um percurso previamente debatido e pactuado. Poderão ocorrer oficinas para introdução à Bibliografia Feminista e de Gênero, atividade vinculada ao Acervo Feminista Enid Backes,  ação em parceria com a Fundação Luterana de Diaconia. Outras atividades poderão envolver outros grupos de estudos e pesquisas vinculados a ONGs e Universidades, bem como com o Ponto de Cultura Feminista Corpo Arte e Expressão. Será criada uma plataforma para acesso a textos e outros materiais de estudo.

A participação é gratuita, mediante inscrição prévia, e ocorrerá na sede do Coletivo Feminino Plural, na Rua Andrade Neves, 159, 8º andar.

Informações: 51 32215298

Sede social: Rua Andrade Neves, 159- cjs 84 e 85 – Porto Alegre/RS
Site: www.femininoplural.org.br
E-mail: coletivofemininoplural@gmail.com
Facebook:
 https://www.facebook.com/events/766378146825039/